Audiência deve discutir repasse municipal a projeto ligado a Vale | Portal Tempo Novo

Serra, 11 de dezembro de 2018

Portal Tempo Novo - O Portal da Serra, ES

Política

Serra, 16 de Fevereiro de 2018 às 7:51

Audiência deve discutir repasse municipal a projeto ligado a Vale


 

Lideranças afirmam que a Estação Conhecimento é um projeto importante, mas defendem que seja custeada pela Vale. Foto: Arquivo TN/Divulgação

Conceição Nascimento / Yuri Scardini

Lideranças da Serra preparam audiência pública sobre o repasse de recursos da administração municipal ao projeto Estação Conhecimento, que tem como principal mantenedora a Vale e é um dos símbolos do discurso de responsabilidade social da empresa. Eles defendem que a Vale invista mais no projeto e desonere a Prefeitura, como forma de compensar o município pelos danos sociais e ambientais causados pela empresa e para que o município possa destinar o recurso para outros projetos sociais.

Anualmente a prefeitura desembolsa R$ 1.169,820 para custear parte do projeto. A Vale diz que a Estação Conhecimento não pertence à empresa, apesar do projeto ser idealizado pela Fundação Vale e construído com recursos financeiros da Vale. Além de ter uma imagem indissociável a mesma, e conter no balanço social da Vale.

Guilherme Lima, coordenador-geral da Assembleia Municipal do Orçamento (AMO) discorda do repasse  e disse que vai propor junto à Executiva da AMO uma audiência pública.

“No próximo dia 27 vamos realizar uma executiva e vou colocar como ponto de pauta uma audiência pública para debater o repasse do município à Estação Conhecimento. No meu entendimento, por ser a Vale a maior poluidora do mundo e tendo impacto direto no município e considerando que a empresa não paga sequer 1% de imposto ao município, entendo que como ação mitigadora da degradação que causa a Serra ela pode arcar com esse valor na sua totalidade. O projeto é maravilhoso e tem que continuar, mas pode ser com dinheiro da Vale”, avaliou.

Já vereador Fábio Duarte (PDT), presidente da Comissão de Acompanhamento da Renovação das Licenças de Vale e Arcelor Mittal, adiantou que vai defender incluir, como condicionante de renovação da licença, um maior investimento direto da empresa na Estação Conhecimento.

“Vamos defender que a Vale invista mais dinheiro lá, por se tratar de uma iniciativa importantíssima, e com isso, o município pode investir em outros projetos que tem mais dificuldades de recursos. Vou conversar com o Estado para que isso seja incluído como condicionante da renovação de licença”, explicou.

 Sobre a participação de representantes da prefeitura numa audiência, a assessoria de comunicação informou em nota que “A Secretaria de Assistência Social aguarda o convite para avaliar”.

Já a Vale informa que ainda não recebeu notificação para a audiência em questão. Ressalta, entretanto, que se fará presente caso isso ocorra.

 




O que você acha ?

Você concorda com a saída de Cuba do Mais Médicos?

Ver Resultados

Carregando ... Carregando ...

Veja também

Portal Tempo Novo

Rua Euclides da Cunha, 394 - sl 103 e 104 - Laranjeiras, Serra, ES

CEP:29165-310 - Tel: 27 3328-5765

Todos os direitos reservados ao Jornal Tempo Novo © Desenvolvido por