Serra, 16 de agosto de 2018

Portal Tempo Novo - O Portal da Serra, ES

Geral

Serra, 3 de agosto de 2018 às 11:04

Campanha para vacinar 27 mil crianças contra sarampo na Serra a partir de 2ª feira

Também será aplicada a vacina de poliomielite e o público alvo são crianças de 1 a menores de 5 anos. Serviço está em todas as unidades de saúde


Mesmo que as crianças com a carteira de vacinação em dia, será preciso reforçar a dose, até porque há surto de doença em alguns estados do país. Só não vai poder tomar quem foi imunizado há menos de 30 dias. Foto: Agência Brasil

Gabriel Almeida

A Campanha de Vacinação contra sarampo e poliomielite vai começar na próxima segunda-feira (06). Todas as crianças de um ano a menores de cinco devem se vacinar contra as doenças, inclusive as que já receberam a vacina anteriormente. Para se vacinar, as crianças devem ser levadas em uma das 38 unidades de saúde do município da Serra.

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, o público alvo do município é de 27 mil crianças. Nas seis unidades regionais de Jacaraípe, Feu Rosa, Boa Vista, Serra-Sede, Novo Horizonte e Serra Dourada a vacinação ocorrerá das 7h30 às 16h30. Já nas 32 unidades básicas, a imunização vai acontecer de acordo com o horário da Sala de Vacinação de cada uma delas.

No momento da vacinação, é fundamental que os pais apresentem o cartão de vacina para que o histórico de vacinação da criança seja verificado. Em casos de perda deste documento, a criança deve ser levada junto com sua certidão de nascimento. Há 18 anos que o estado do Espírito Santo não registra casos de sarampo.

De acordo com a assessoria de comunicação do Ministério da Saúde, para a poliomielite, as crianças que não tomaram nenhuma dose durante a vida, receberão a VIP (Vacina Inativa Poliomielite). Já os menores de cinco anos que já tiverem tomado uma ou mais doses da vacina, receberão a VOP (Vacina Oral Poliomielite), a gotinha. Em relação ao sarampo, todas as crianças, dentro da faixa etária, receberão uma dose da vacina Tríplice viral, independente da situação vacinal, desde que não tenham sido vacinadas nos últimos trinta dias.

Baixa vacinação

Nesse ano, o Ministério da Saúde vem alertando sobre a redução da cobertura vacinal em todo o país. Um dos fatores apontados pelo órgão para explicar a baixa cobertura vacinal é a circulação de notícias falsas na internet. Durante coletiva de imprensa na última quinta-feira (02), o secretário de Estado da Saúde, Ricardo de Oliveira, fez um apelo para que os pais levem os filhos para tomar a vacina.

“Aproveito para fazer um apelo, para que os pais levem seus filhos para serem imunizados. É absolutamente importante que a população se mobilize. Não adianta só o Estado e os municípios se mobilizarem, as salas de vacina estarem abertas, se a população não for lá. A vacinação, além de um direito, é um dever cível. Para que a gente possa efetivamente eliminar a ameaça do sarampo, é preciso que cada um cumpra com o seu dever”, destacou Oliveira.




O que você acha ?

Os novos investimentos ambientais anunciados por Vale e Arcelor vão reduzir o pó preto?

Ver Resultados

Carregando ... Carregando ...

Veja também

Portal Tempo Novo

Rua Euclides da Cunha, 394 - sl 103 e 104 - Laranjeiras, Serra, ES

CEP:29165-310 - Tel: 27 3328-5765

Todos os direitos reservados ao Jornal Tempo Novo © Desenvolvido por