Córrego imundo contamina praia em Manguinhos | Portal Tempo Novo

Serra, 22 de julho de 2019

Portal Tempo Novo - O Portal da Serra, ES

Meio Ambiente

Serra, 18 de junho de 2019 às 10:00

Córrego imundo contamina praia em Manguinhos


Banhistas se assustaram com água escura e com odor forte. Foto: Divulgação

Uma água com coloração escura e muito fedorenta assustou os banhistas que curtiam a praia de Manguinhos neste final de semana, mas apesar do susto, a situação ocorre há anos. Trata-se do córrego Laripe que recebe esgoto dos bairros Feu Rosa, Ourimar, Vila Nona e impactos do antigo lixão que existia neste último bairro  e deságua imundo no balneário. Apesar do problema já durar pelo menos duas décadas, a Ambiental Serra / Cesan não sabe dizer se o líquido preto é esgoto.

A denúncia foi feita pelo presidente da Associação de Moradores de Manguinhos, Guilherme Lima. Ele publicou o vídeo nas suas redes sociais que mostra a água preta caindo diretamente na praia no último sábado (15) e afirma que é esgoto.

“O córrego sofreu um odor muito forte e a coloração na água indica que é esgoto. Esse problema ocorre há décadas. Percebemos que 90% do esgoto lançado nesse córrego vêm de moradores ribeirinhos de Vila Nova de Colares e Feu Rosa. Fizemos até manifestações pra Ambiental Serra resolver a questão, mas nada é feito”, disse.

O TEMPO NOVO acionou a Ambiental Serra, que por meio da assessoria da Cesan, disse não saber ainda se a água preta seria esgoto ou não. “Foi coletada amostra da água para análise laboratorial e o resultado deverá sair num prazo de 15 dias”, disse a Cesan em nota.

A concessionária confirmou que as imagens filmadas pelo morador são do córrego Laripe, que deságua em Manguinhos e afirmou que o sistema de esgoto que atende a região está operando normalmente.

A reportagem também acionou a Prefeitura da Serra que também disse que foi feita uma coleta da água e o resultado laboratorial ficará pronto em julho. “O município tem uma Parceria Público Privada (PPP) com a Cesan, visando ampliar a cobertura dos serviços de esgotamento sanitário. Atualmente, a Serra dispõe de uma cobertura da rede de tratamento de esgoto de cerca de 85%”, disse a prefeitura em nota.

O município ainda disse que a Prefeitura tem intensificado as ações de fiscalização no local para punir com multa quem não estiver ligado à rede de esgoto. “Cabe ressaltar que a Fiscalização Ambiental atua continuamente no combate ao lançamento irregular de efluentes in natura nos recursos hídricos, bem como à destinação de resíduos sólidos e ocupações irregulares em suas margens”, afirmou. 

Veja o vídeo abaixo feito pelo surfista Fábio Machado Cardoso: 




O que você acha ?

Como você avalia os 6 primeiros meses de Contarato no Senado?

Ver Resultados

Carregando ... Carregando ...

Veja também

Portal Tempo Novo

Rua Euclides da Cunha, 394 - sl 103 e 104 - Laranjeiras, Serra, ES

CEP:29165-310 - Tel: 27 3328-5765

Todos os direitos reservados ao Jornal Tempo Novo © Desenvolvido por