Deputado diz que política da Serra é subordinada ao Poder Judiciário | Portal Tempo Novo

Serra, 23 de outubro de 2018

Portal Tempo Novo - O Portal da Serra, ES

Política

Serra, 8 de junho de 2018 às 10:05

Deputado diz que política da Serra é subordinada ao Poder Judiciário


Enivaldo fez críticas a membros do Judiciários em processos da Câmara. Foto: Reinaldo Carvalho

Conceição Nascimento

Essa semana o deputado Enivaldo dos Anjos (PSD) subiu a tribuna da Assembleia Legislativa e repercutiu a eleição da Câmara da Serra e as instabilidades políticas e jurídicas que o município vive. Sem citar nomes, o deputado fez duras críticas à Justiça e ao processo que afastou a vereadora Neidia Maura (PSD).

“Um desembargador voltou a interferir no município da Serra, fazendo com que a política municipal esteja subordinada ao Judiciário. Existem suspeitas no município da Serra de que pessoas do Judiciário estão enfiando a mão na eleição da Câmara da Serra para proteger interesses escusos” disparou Enivaldo.

O deputado insinuou que membros do judiciário teriam interesse que a vereadora Neidia Maura não participasse da eleição da Câmara para prejudicar o prefeito Audifax Barcelos. “A juíza estava com o processo engavetado porque tinha interesse de que a vereadora não participasse da eleição da Câmara, sendo que a Lei diz que cinco dias é o limite para que o juiz dê a informação. E ninguém é apurado”.

“Estou entrando com uma representação amanhã (quinta-feira/07) na Corregedoria. […] Que juíza é essa que ao invés de trabalhar no que lhe compete, fica preocupada em proteger segmentos políticos do município da Serra? […] Querer intervir para impossibilitar a administração municipal de dar continuidade à administração é intervenção que merece suspeita de quem está por trás disso”, disse Enivaldo.

A reportagem tentou insistentemente contato com Enivaldo, para detalhar mais sobre as insinuações do parlamentar, mas não houve retorno. Já a assessoria de imprensa disse que o deputado não quer se pronunciar e que diante da nova decisão do Tribunal de Justiça, proferida pelo desembargador Willian Silva, na última quarta (07) que negou apelação de Neidia, o deputado não iria mais protocolar a representação na Corregedoria.

Em nota, o Tribunal de Justiça disse não comenta decisões de magistrados e “que a medida judicial para a parte que não concordar com a decisão é o recurso”.




O que você acha ?

Você já brigou com amigos e familiares por conta de política?

Ver Resultados

Carregando ... Carregando ...

Veja também

Portal Tempo Novo

Rua Euclides da Cunha, 394 - sl 103 e 104 - Laranjeiras, Serra, ES

CEP:29165-310 - Tel: 27 3328-5765

Todos os direitos reservados ao Jornal Tempo Novo © Desenvolvido por