Serra, 20 de setembro de 2018

Portal Tempo Novo - O Portal da Serra, ES

Cultura

Serra, 13 de julho de 2018 às 11:25

Faculdade inaugura anfiteatro em homenagem ao criador de “Hello Creuzodete”


Milson Henriques morreu aos 78 anos. Foto: Reprodução Internet

O humorista Milson Henriques, criador do famoso personagem “Hello Creuzodete” é quem da nome ao anfiteatro inaugurado no dia 13 de junho, em Goiabeiras pela Faculdade Multivix.

A proposta do local, que acomoda 280 pessoas, é de ser um espaço democrático e alternativo, para a difusão da arte e da cultura. O espaço ficará à disposição da população capixaba e poderá ser utilizado gratuitamente, principalmente, por artistas locais que desejam dar visibilidade à sua arte e ao seu talento.

Para fomentar a cultura entre seus alunos, a Multivix contratou o assistente cultural Edilson Pedrini para fazer parte de sua equipe. De acordo com o diretor executivo do Grupo Multivix, Tadeu Penina, o palco pretende alocar apresentações de dança, música, esporte, arte, ciência e diversas manifestações. “Mensalmente teremos atrações gratuitas para os nossos acadêmicos e, em breve, a agenda cultural será divulgada para toda a comunidade”, ressalta o Tadeu.

Anfiteatro Milson Henriques

Milson foi um artista carioca que, vindo para o Espírito Santo ainda jovem, nos anos 60, se apaixonou por esta terra e, aqui, deixou um legado grandioso em termos artísticos e culturais. Pelo conjunto de sua obra e pela diversidade de sua produção, era chamado de artista multimídia, já que atuava como escritor, jornalista, radialista, ator, diretor, poeta, desenhista, cartunista, chargista, entre outros.

Sua contribuição à arte e à cultura capixaba é enorme. Quem nunca ouvir falar, por exemplo, das várias montagens teatrais de “Hello Creuzodete”, com sua inesquecível personagem Marli, que também ilustrava as tirinhas do Caderno Dois, do jornal A Gazeta, sempre com muito humor?

Alguns mais saudosos poderão lembrar, ainda, do álbum de figurinhas, lançado pelo Governo do Estado, desenhadas por Milson, com o personagem “Jucapixaba”, em que um garotinho muito esperto aparecia pelos municípios do nosso Estado mostrando as suas belezas naturais.

A história da cultura capixaba se confunde com esse carioca, artista de profissão, que adotou o Espírito Santo e acabou por nos abençoar com sua arte. Certa vez ele disse “eu não sou um bom alguma coisa, eu sou um pouquinho de cada coisa”. Milson faleceu há dois anos, no dia 25 de junho de 2016, e hoje está sendo feita uma justa homenagem a um nome que não pode jamais ser esquecido.




O que você acha ?

Qual é a sua avaliação sobre a qualidade de água dos córregos, rios e lagoas da Serra ?

Ver Resultados

Carregando ... Carregando ...

Veja também

Portal Tempo Novo

Rua Euclides da Cunha, 394 - sl 103 e 104 - Laranjeiras, Serra, ES

CEP:29165-310 - Tel: 27 3328-5765

Todos os direitos reservados ao Jornal Tempo Novo © Desenvolvido por