Serra, 19 de setembro de 2018

Portal Tempo Novo - O Portal da Serra, ES

Política

Serra, 28 de agosto de 2018 às 15:40

Vereador defende cota de 10% em moradias populares na Serra para policiais


Um exemplo de conjunto habitacional que os servidores poderiam requerer, caso na época de lançamento a lei já fosse válida, seria o condomínio Ourimar. Em destaque, o vereador Cabo Porto, que é Policial Militar e autor do projeto. Foto: Divulgação

Gabriel Almeida

Reservar uma cota de 10% dos imóveis populares à venda em conjuntos habitacionais e loteamentos públicos na Serra para agentes de segurança. Este é um Projeto Indicativo que está tramitando na Câmara da Serra e deve passar pelo crivo dos vereadores nos próximos dias.O objetivo seria dar mais segurança aos empreendimentos populares.

O projeto de Nº 33/2018 que é de autoria do vereador Cabo Porto (PSB), que é policial militar, autoriza esses profissionais a requerer uma unidade ou loteamento de algum conjunto habitacional, incluindo aqueles convênios de programas de habitação que são feitos em parceria da Prefeitura da Serra com o Governo do Estado ou Federal.

Um exemplo de conjunto habitacional que os para policiais militares e civis, guardas municipais bombeiros, agentes penitenciários e agentes de trânsito poderiam requerer, caso na época de lançamento a lei já fosse válida, é o conjunto Ourimar I e II que fica no bairro cujo nome foi usado para identificar os condomínios populares.

“Projeto vista restabelecer a moral dos servidores”, diz vereador

A justificativa do parlamentar é que esse projeto visa restabelecer a moral e o prestigio desses servidores. “Visa então tal projeto restabelecer a moral e o prestígio destes servidores tão assolados em seus direitos. Temos a certeza de que esses profissionais morando nessas localidades poderão inibir a ação de criminosos que utilizam dos programas públicos como espaço de ações e atividades ilícitas e contrárias à lei”, afirma o vereador.

Cabo Porto ainda disse que o aumento de segurança pública nessas regiões é por conta desses criminosos que utilizam o programa habitacional. “Acreditamos que podemos garantir as pessoas de bem não a moradia, mas uma vida digna e garantia de direitos”, explicou.

O projeto é polêmico, e ainda está tramitando na Câmara da Serra e caso for aprovado pela Casa de leis seguirá para a sansão ou veto do prefeito Audifax Barcelos (Rede).




O que você acha ?

Qual é a sua avaliação sobre a qualidade de água dos córregos, rios e lagoas da Serra ?

Ver Resultados

Carregando ... Carregando ...

Veja também

Portal Tempo Novo

Rua Euclides da Cunha, 394 - sl 103 e 104 - Laranjeiras, Serra, ES

CEP:29165-310 - Tel: 27 3328-5765

Todos os direitos reservados ao Jornal Tempo Novo © Desenvolvido por